quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Muito Obrigado!

Muito obrigado a todas e todos que tiveram a coragem de enfrentar o frio fim de tarde de ontem, para me darem a alegria da sua presença no lançamento do livro Um Amor Colonial.
Com um agradecimento especial ao Jorge Vala, pela excelente apresentação, e à livraria Barata e ao Bruno Silva, pelo espaço, profissionalismo e óptimas condições.

E, já que é maré de agradecimentos, muito obrigado também a quem tornou este livro possível, ou o tornou melhor com a sua leitura crítica do manuscrito.
Álvaro Pereira, o seu protagonista, as Edições Cosmos e diversos colegas e amigos: Maria José Arthur, Cristiana Bastos, João Paulo Borges Coelho, Alexandre Mate, José Machado Pais, Marta Penilo, Joana Ribeiro, José Manuel Rolo, Omar Ribeiro Thomaz e, de novo, Jorge Vala.

A alegria deste lançamento foi, hoje, mitigada pela assustadora notícia de que Álvaro Pereira teve há pouco um problema grave de saúde.
Diz-me ele que o caso não deixou sequelas e que está em franca recuperação.
Que a alegria de ter o livro na mão possa apressar as suas melhoras!

Entretanto, o livro parece só estar ainda disponível na Barata e na Ler Devagar, esperando-se em breve a sua chegada à Bulhosa.
Se estão com curiosidade e pressa, já sabem onde procurá-lo.

3 comentários:

micas disse...

Pena não ter podido estar presente no lançamento do seu livros, mas... nem todos vivem na capital.

A talhe de foice, pf avise quando o livro estiver disponível noutros pontos deste país. Parece que Lisboa continua a ser a capital e o resto paisagem

Maria Vasconcellos disse...

Parabéns Paulo, lamento não estar mais perto para lhe dar um abraço.

(Paulo Granjo) disse...

O problema é que a editora (que até está situada no Ribatejo) se zangou com a distribuidora e agora fazem eles próprios a distribuição...
Para além disso, quando o livro saiu já as maiores casas tinham feito as suas encomendas da época de Natal.
Estou a tentar estabelecer um contacto que o colocaria em tudo quanto é cidade e vila, mas ainda não há nada de certo.
Avisarei, quando tiver novidades.